top of page
Buscar
  • comunicacao7568

Diga não ao trabalho infantil!



Você já deve ter ouvido casos de trabalho infantil em situações precárias. Hoje trouxemos um caso como exemplo de uma prática proibida que vai contra aos direitos das nossas crianças e adolescentes.


Um adolescente de 12 anos foi encontrado atuando como ajudante de

vaqueiro, durante uma força-tarefa de fiscalização em propriedades rurais em cidades do sudeste do Pará. A atividade é considerada uma das piores formas de trabalho infantil

“Segundo a lista TIP, ratificada pelo Decreto 6.481/2008, são proibidos a menores de 18 anos atividades a céu aberto e trabalhos de manutenção, limpeza, lavagem e lubrificação de veículos.


De acordo com o decreto, no primeiro caso, há exposição do adolescente à radiação solar, com riscos de desidratação e até de câncer de pele, já no segundo caso, o contato com desengraxantes, névoas ácidas e alcalinas pode desencadear

encefalopatias e queimaduras.


Diga não ao trabalhado infantil!

3 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page